DICAS DE FILMES: Indicados ao Spirit Awards para ficar de olho

A Vida Invisível, filme brasileiro de Karin Ainouz é indicado como Melhor Filme Internacional, mas enfrentará Parasita, Bong Joon-ho. No último dia 21 de novembro, foram divulgados os indicados para um dos prêmios mais bacanas do cinema: o Independent Spirits Awards. Esta é uma premiação para produções de baixo orçamento que possuem limitações financeiras para sua divulgação e promoção. Diferentemente das produções hollywoodianas – que … Continuar lendo DICAS DE FILMES: Indicados ao Spirit Awards para ficar de olho

CRÍTICA: O Rei (2019), de David Michôd

Timothéé Chalamet brilha mais uma vez em obra de inspiração shakesperiana, que bate na trave nas aspirações de grandeza. Para começar esta crítica, preciso deixar claro a todos os leitores que este que vos escreve não é um especialista em Shakespeare, a raiz que inspira a produção da Netflix, dirigida por David Michôd, O Rei (The King). Mesmo assim, antes de escrever esta crítica, busquei … Continuar lendo CRÍTICA: O Rei (2019), de David Michôd

DICA DE FILME: O Ovo da Serpente (1977), Ingmar Bergman

Há filmes que ao ser lançado em seu tempo não é muito bem percebida, mas que em certos períodos históricos eles ascendem como uma obra prima e passa a ser extremamente necessário. Este é um pouco o caso de O Ovo da Serpente, do mestre sueco Ingmar Bergman. Localizado temporalmente no momento do diretor que conversa muito com o cinema americano, com filmes menos denso … Continuar lendo DICA DE FILME: O Ovo da Serpente (1977), Ingmar Bergman

DICA DE FILME: A CASA QUE JACK CONSTRUIU (2018), de Lars Von Trier

As confissões de Lars Von Trier em uma estética de terror a partir de Dante Alighieri Não é surpresa para ninguém os incômodos que os filmes do dinamarquês Lars Von Trier criam. Sua aposta em utilizar conceitos e teorias da semiótica e da Gestalt, abusando de filosofias niilistas que beiram o inaceitável é o que elevam a visão deste diretor a um nível de relevância. … Continuar lendo DICA DE FILME: A CASA QUE JACK CONSTRUIU (2018), de Lars Von Trier