CRÍTICA: A Vida Invisível (2019), de Karim Ainouz

O poderoso melodrama tropical de Karim Ainouz mostra como a invisibilidade foi a unica maneira de existir como uma resistência ao patriarcado. Empatia! Essa palavra é, provavelmente, o fundamento primeiro da boa arte. Não há outra maneira de sentir o mundo, ser provocado a pensar e ser afetado por uma obra se ela não tiver o poder empático. A empatia é aquilo que dá vida … Continuar lendo CRÍTICA: A Vida Invisível (2019), de Karim Ainouz

CRÍTICA: O Clube dos Canibais (2019), de Guto Parente

A excelente fase do terror brasileiro e do cinema do nordeste nos traz essa obra assustadoramente divertida e denunciativa. Alegoria e metáfora sempre foram figuras de linguagem bastante utilizadas na arte do cinema. Principalmente quando observamos filmes de horror ou que buscam no afeto da agonia explorar os meios psíquicos que os signos de uma época invocam. Lembremos George Romero, com seu A Noite dos … Continuar lendo CRÍTICA: O Clube dos Canibais (2019), de Guto Parente